Comentários

 

Santa Cruz do Sul, Setembro 2021 – A Sulprint Embalagens apresentou uma grande novidade no mercado: embalagens flexíveis 100% biodegradáveis.

As embalagens possuem biopolímeros também desenvolvidos pela Sulprint e proporcionam a barreira necessária aos produtos. “O grande desafio foi desenvolver uma estrutura 100% sustentável, que pudesse manter a qualidade dos produtos e ao mesmo tempo entregasse valor aos nossos clientes”, explica Rogério Hillesheim, Gerente Comercial da Sulprint.

Inclusive, “a aplicação destas estruturas possibilita implementar diversos projetos, podendo trabalhar com filmes de diferentes níveis de barreira, mantendo as características de processamento das embalagens, sem alterar os equipamentos de envase”, destaca André Santos, Gerente de P&D da Sulprint.

As embalagens são constituídas de biomateriais que se degradam por micro-organismos, se destinados a aterro sanitário (gerando água, dióxido de carbono, metano e biomassa), não produzem micropartículas de plástico e também permitem a reciclabilidade quando destinados a usina de reciclagem, permitindo a economia circular.

A biodegradabilidade é testada pelo Northeast Laboratories, laboratório independente nos Estados Unidos que submeteu as estruturas das embalagens ao método ASTM D5511, internacionalmente utilizado para aferir a biodegradação dos plásticos.

As demais características técnicas são a alta força de selagem das embalagens, a utilização dos mesmos equipamentos de envase, excelente resistência mecânica e térmica, barreiras TPVA e TPO2 semelhantes às já em uso.

Estas embalagens fazem parte da Linha GREEN FLEX®, uma linha 100% sustentável da Sulprint Embalagens, compõem-se das citadas embalagens biodegradáveis, e em embalagens de monomateriais, que consiste na adequação de estruturas laminadas para estruturas da mesma família de polímeros, tornando as embalagens 100% recicláveis.

“Além de todos os benefícios em termos técnicos, o consumidor está cada vez mais valorizando as empresas que trazem produtos sustentáveis. Com isso, a Linha GREENFLEX®, vem para somar também no posicionamento dessas organizações”, destaca Helena Binz, Gerente de Marketing da Sulprint.

Para saber mais da linha GREENFLEX®, entre em contato com os consultores da Sulprint Embalagens clicando aqui.

 

Sobre a Sulprint Embalagens

Fundada em 1977, a Sulprint Embalagens busca ser referência em inovação no mercado de embalagens flexíveis. Sua equipe possui um amplo know how em estruturas técnicas, trazendo soluções inovadoras e sustentáveis para os mais diversos segmentos, pois entende que as embalagens podem transformar o conceito de uma marca e a interação com seu público, fortificando a imagem corporativa de seus clientes. Com parques fabris nas cidades de Santa Cruz do Sul e Vera Cruz/RS, a Sulprint tem autonomia em todos os processos de fabricação de embalagens flexíveis.

Comentários

 

Sulprint Embalagens, fundada em 1977, se juntou à Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) para desenvolver embalagens 100% biodegradáveis voltadas para o mercado de café. A linha, denominada GREENFLEX®, contempla as estruturas de embalagem almofada e embalagem à vácuo para café torrado e moído.

Em sua composição, possuem biopolímeros desenvolvidos pela empresa que proporcionam a barreira necessária para manter a qualidade do produto. Dessa forma, é possível suprir uma necessidade antiga do setor cafeeiro: a inviabilidade de reciclagem total  devido a presença de alumínio nas embalagens.

Além de um maior potencial de reciclabilidade, o projeto foi desenvolvido para que não fosse necessário fazer nenhuma alteração nas linhas de envase, mantendo a mesma eficiência no processo anteriormente usado com materiais de embalagem regulares.

“Esta parceria com a ABIC possui uma importância enorme, pois a Associação sempre teve interesse em levar soluções para seus associados, com um grande comprometimento em busca de melhorias para o setor. Quando fomos acionados, abraçamos a demanda da sustentabilidade para entregar um produto totalmente inovador. Para nós da Sulprint, faz toda a diferença trabalhar com uma entidade que possui a confiança dos seus associados e credibilidade junto aos consumidores”, destaca Rogério Hillesheim, Gerente Comercial da Sulprint.

Tecnologia a serviço do meio ambiente

Com o intuito de provocar o menor impacto ambiental, a linha GREENFLEX® é constituída de biomateriais que se degradam pela ação de microorganismos, não gerando microplástico. Caso sejam destinados a aterros sanitários, geram água, dióxido de carbono, metano e biomassa e, ainda, permitem a reciclabilidade quando destinados à usina de reciclagem, viabilizando a economia circular.

Para garantir total eficiência, a biodegradabilidade das embalagens foi testada pelo Northeast Laboratories, laboratório independente nos Estados Unidos que submeteu as estruturas ao método ASTM D5511, internacionalmente utilizado para aferir a biodegradação dos plásticos.

Além de representar um diferencial frente aos concorrentes e consumidores, a marca que utilizar as embalagens 100% biodegradáveis da Sulprint se beneficiará das suas características como: a alta força de selagem, a utilização dos mesmos equipamentos de envase com desempenho comprovado, excelente resistência mecânica e térmica, barreiras  PVA e TPO2 semelhantes às já em uso, e a garantia de integridade e qualidade do produto final.

Rogério reforça que o produto é totalmente inovador e capaz de atender às demandas por uma  embalagem ambientalmente responsável. A linha desenvolvida em parceria com a ABIC é capaz de viabilizar a reciclagem total das embalagens de café, impactando positivamente o meio ambiente e a sociedade.

 

Redação: Usina da Comunicação   

Comentários

O lançamento é com o filme sustentável e biodegradável da linha GREENFLEX®, da Sulprint Embalagens.

A Nugali Chocolates apresentou uma grande novidade para o mercado brasileiro: seus produtos embalados com os filmes 100% biodegradáveis da linha sustentável GREENFLEX®, da Sulprint Embalagens (www.sulprint.com.br), empresa brasileira especialista em embalagens flexíveis. “O grande desafio foi desenvolver uma estrutura 100% sustentável e que mantivesse a qualidade do produto alinhada à estratégia da empresa”, explica Rogério Hillesheim, gerente Comercial da Sulprint Embalagens.

Rogério explica que a estrutura da embalagem laminada é composta pela solução de filme selante Biopolímero GREENFLEX®, filme PET biodegradável da linha sustentável ECOPHANE®, da Terphane e papel, e tem como funcionalidade principal se decompor no meio ambiente gerando água, dióxido de carbono, biomassa e metano, desenvolvido para decomposição diretamente no aterro sanitário. “O lançamento é único nesta categoria de produtos no país”, complementa André Gani, Diretor de Vendas & Marketing da Terphane.

Desde o início do projeto, a Nugali Chocolates queria uma embalagem sustentável e que mantivesse a integridade e qualidade do chocolate, representando os atributos da marca. O pedido foi atendido com a combinação do filme PET ECOPHANE® biodegradável com as duas linhas de polímeros biodegradáveis usadas no desenvolvimento da linha GREENFLEX® de embalagens sustentáveis. “Essa combinação nos permite trabalhar com filmes de diferentes níveis de barreira, mantendo as características de processamento das embalagens, sem alterar os equipamentos de envase”, destaca André Santos, Gerente de P&D da Sulprint Embalagens.

Para Enrico Maiolino, da Nugali, “Os consumidores reagiram de forma bastante positiva à nova embalagem, com boa aceitação do conceito. Isto porque o consumidor está cada vez mais atento à importância de produtos eco friendly e tende a preferir marcas mais sustentáveis. Assim, a substituição das embalagens plásticas feitas com resinas convencionais por embalagens 100% biodegradáveis faz parte da estratégia da Nugali para se tornar uma empresa cada vez mais sustentável.”

Outro ponto positivo na aquisição das embalagens biodegradáveis da Nugali é que não foi preciso fazer nenhuma alteração nas linhas de envase, mantendo a mesma eficiência no processo anteriormente usado com materiais regulares. A eficiência foi mantida nos processos de distribuição e houve um ganho importante de visibilidade e atratividade da marca no ponto de venda.

Vale lembrar que as embalagens produzidas com os filmes biodegradáveis da linha GREENFLEX®, por serem constituídas de bio materiais se degradam por microorganismos, se destinadas a aterros sanitários, e também permitem a reciclabilidade quando destinadas a usina de reciclagem, permitindo a economia circular. Com decomposição prevista em torno de 4,5 anos, em casos de destinação específica. A degradação não gera micropartículas de plástico e, além disso, pode ser reciclada.

Além disso, os filmes com o Biopolímero GREENFLEX® possuem excelente força de selagem, excelente resistência mecânica e térmica, e já estão adequados aos processos e equipamentos já utilizados. A linha é destinada para embalar os mais diversos tipos de produtos em todos os sistemas de empacotamento que já estão em uso, podendo ser utilizado como embalagem primária e/ou secundária.

A linha GREENFLEX® da Sulprint conta com um amplo leque de estruturas para os mais diversos segmentos atendidos pela empresa, tendo como pilares os filmes biodegradáveis (aterro / compostagem) e estruturas em monomateriais.

 

Sobre a Sulprint Embalagens

Fundada em 1977, a Sulprint Embalagens busca ser referência em inovação no mercado de embalagens flexíveis. Sua equipe possui um amplo know how em estruturas técnicas, trazendo soluções inovadoras e sustentáveis para os mais diversos segmentos, pois entende que as embalagens podem transformar o conceito de uma marca e a interação com seu público, fortificando a imagem corporativa de seus clientes. Com parques fabris nas cidades de Santa Cruz do Sul/RS e Vera Cruz/RS, a Sulprint é autônoma em todos os processos de fabricação de embalagens flexíveis.

 

 

Sobre a Terphane

Terphane | Filme de poliéster

Desde a sua fundação em 1976, a Terphane concentra-se no desenvolvimento de tecnologias e processos de fabricação de filmes especiais de poliéster biorientado (BIOPET). Sua equipe possui ampla experiência e conhecimento em produção, revestimento e metalização de filmes. A empresa se destaca ainda por uma cartela verticalizada que vai desde a produção da resina até a extrusão de filmes especiais. Esta característica garante um desempenho único aos filmes Terphane e a coloca como líder de mercado na América Latina e um importante player global. A Terphane faz parte do grupo industrial norte-americado Tredegar.

Comentários

Sulprint atinge 100% de satisfação em pesquisa anual

Publicado em 25 de novembro de 2020

A nossa pesquisa de satisfação anual de 2020 gerou resultados incríveis.

A Sulprint fechou o ano atingindo 100% de satisfação dos clientes entrevistados. Em um ano atípico como 2020, receber feedbacks extremamente positivos como estes, nos faz compreender exatamente qual o nosso papel de fornecedor.

Veja abaixo os resultados:

ATENDIMENTO – Equipe Comercial: 100% muito satisfeitos/satisfeitos

ATENDIMENTO – Equipe Pré-Impressão: 88,6% muito satisfeitos/satisfeitos, 11,4% ainda não tiveram contato com a equipe

ATENDIMENTO – Equipe Qualidade: 84,1% muito satisfeitos/satisfeitos, 2,3% pouco satisfeitos, 2,3% insatisfeitos e 11,4% ainda não tiveram contato com a equipe

QUALIDADE DE IMPRESSÃO: 31,8% excelente, 50% muito boa e 18,2% boa

MATERIAL – resistência/maquinabilidade/solda: 97,7% muito satisfeitos, 2,3% insatisfeitos

CAPACIDADE PARA DESENVOLVER SOLUÇÕES: 100% muito satisfeitos/satisfeitos

CONFIANÇA: 100% confiam na Sulprint

SATISFAÇÃO: 100% muito satisfeitos/satisfeitos

 

Agradecemos aos nossos clientes que gentilmente destinaram parte de seu tempo respondendo a nossa pesquisa!

Comentários

Como você sabe que está no caminho certo? Por aqui na Sulprint, é graças a feedbacks como este da Melissa, em nome do nosso cliente Jasmine Alimentos.

Veja abaixo o que ela nos conta referente a mudança da linha de Granolas da Jasmine com o novo design e nosso Filme PE Barreira TPVA:

“A evolução e melhoria de produtos, embalagens e processos, sempre foi uma prioridade na JASMINE ALIMENTOS. Temos produtos em vários formatos e com diferentes materiais de embalagens.

Nossa linha de Granola teve um grande desenvolvimento desde sua concepção em 1994, pouco tempo depois da empresa ser fundada em 1990 há 30 anos.  O mercado evoluiu, muitas marcas entraram como concorrentes e, principalmente, marcas pequenas e regionais mas com produtos interessantes. Nesta época também as embalagens que ficavam em pé (Stand up pouches) enchiam as gôndolas e brilhavam nos EUA e Europa. A onda começou a chegar no Brasil e vimos a necessidade de evoluir nossa linha de Granolas em sachet para uma embalagem mais moderna e que ficassem em pé e com a opção de refechamento, para dar mais praticidade para nosso consumidor.

Começamos então a escolha dos maquinários, investimos na linha e testes com materiais de embalagem, afinal a embalagem deveria suportar o peso do produto em pé. Nossos cereais matinais sempre tiveram janela e a transparência para o consumidor visualizar o produto, e isso é um ponto importante na criação da embalagem. Além disso, o material de barreira não poderia alterar shelf-life do produto mantendo os mesmos 8 meses de validade.

A SULPRINT sempre nos atendeu com as bobinas para a embalagem sachet com uma janela transparente e brilhante em uma estrutura de barreira com 3 camadas, mas para nova linha pouch precisávamos melhorar e reduzir material, sem perder barreira. Logo, tivemos mais oportunidade de melhorias em custos, produtividade e sustentabilidade.  E conseguimos tudo isto com a nova opção de PET + PEAD com uma blenda especial que a SULPRINT desenvolveu para essa demanda. O PEAD é um material fosco e esbranquiçado que poderia prejudicar a visualização do produtos, porém com tecnologia e conhecimento, a SULPRINT conseguiu entregar o material ideal. Mantivemos a barreira, o brilho e transparência. Não teria melhor embalagem para as novas Granolas Pouch da JASMINE ALIMENTOS! O resultado não poderia ser diferente, só elogios para a nova linha, alguns prêmios de embalagem e a satisfação dos consumidores. Medimos o sucesso do projeto com a melhoria da venda dos  produtos e reconhecimento da marca pelos consumidores – a JASMINE cresceu 2 dígitos  na linha de Granola só no primeiro ano da mudança!”

Sulprint
Sulprint Hoje
História
Valores
Embalagens
Iogurtes
Biscoitos
Cafés
Pães
Bolos
Erva-Mate
Farofas
Refrescos em pó
Cereais
Massas
Balas/Chicletes
Chocolates
Salgadinhos
Materiais Elétricos
Processos
Projeto e Desenvolvimento
Prepress
Extrusão
Impressão
Metalização
Laminação
Acabamento